17 de março de 2013

Cairo 678 - Mohamed Diab (2010)

Egito | Mohamed Diab | 2010 | Drama
Língua: Árabe | Legendas: Português | IMDB
  100 min | 1.37 Gb

 Cairo 678 (2010)
Em “CAIRO 678” o diretor egípcio Mohamed Diab aborda a difícil realidade das mulheres de seu país que enfrentam a violência em uma batalha constante por respeito dentro do espaço público.
Para isso, ele resolveu contar a história de Fayza, Seba e Nelly. Três mulheres egípcias com vidas completamente diferentes se unem para combater o machismo que impera no Egito contemporâneo e que está em todos os lugares: nas ruas da cidade do Cairo, no trabalho e dentro de suas próprias casas. Determinadas, elas se unem e iniciam uma série de ataques contra os homens que ousam molestá-las. Quem são essas misteriosas mulheres que tem a coragem de enfrentar uma sociedade baseada na superioridade masculina?
Crítica 
Heitor Augusto
Cairo 678 cai naquela categoria de filmes que uma pessoa consciente do estado das coisas fica feliz pela existência, mas quem tem apreço pelo cinema não consegue deixar de notar como o resultado é falho. Um melodrama político sobre uma causa nobre, mas com tintas tão deslocadas que chegam a anular a força do discurso.

É a típica produção que o crítico de cinema torce para que o público não tome o texto como juízo final, desistindo de conhecer o filme por causa da avaliação crítica. Mesmo assim, quem escreve não pode (nem deve) divorciar-se da obrigação de apontar falhas, cegando-se por causa da nobreza do tema. É urgente um filme que discute o machismo e toma uma posição feminista para tal, o que não anula, porém, a necessidade de problematizar o sentimentalismo no qual o filme obriga suas personagens a mergulharem.

Torço para que os que lerem este texto vão antes ao cinema, assistam a Cairo 678 e, então, venham dialogar com o que aqui está dito. 
....
Texto completo aqui:  http://www.revistainterludio.com.br/?p=2694
Por favor, semeie! Semear é muito importante para que outras pessoas tenham acesso ao filme.

Agradecimentos a Na Moral do MKO

8 comentários:

jaisoncruz disse...

Boa noite, através deste blog pude saber mais sobre o que passa no cinema africano e sua cultura. agradeço pelo grande esforço que vocês vem fazendo, parabéns!

Guilhermebh disse...

Muito obrigado Jaison, nosso objetivo é esse mesmo, dividir o pouco que temos acesso com o máximo de interessados!

Aldalice Souza disse...

Oii, poderia me ajudar pois não estou conseguindo baixar o filme, desde já obrigada!!!

Guilhermebh disse...

qual o problema Aldalice?

Anônimo disse...

http://3000filmes.com/cairo-678-legendado/
o link com o filme legendado completo.
Amei o filme, e acredito que o mundo inteiro deveria ver, principalmente as mulheres.

barbosa disse...

Excelente Blog. parabéns pela iniciativa de postar filmes que revelam um pouco da cultura e da tradição da Mãe Africa.

Eduardo de Brito Castela disse...

Caro Guilhermebh,

Assisti ontem ao Filme Cairo 678 após sugestão do seu blog. Adorei o filme e acho que o filme, ao servir de denuncia, cumpriu o seu papel e é esta a característica fundamental da Arte.
Obrigado pela partilha e pelo Blog.
Vou seguir mais de perto as suas sugestões,
Abraço
Eduardo

Carol Malheiros disse...

Ainda não baixei nenhum filme, mas estou muito feliz de descobrir o site e vou recomendar para outros amigos!